Plmx Park

Motocross, Velocross, Oficina e Bar.
Aberto de segunda a sábado, das 9h as 18h

Resultados da 2ª etapa do AMA Supercross 2017 – San Diego

Resultados da 2ª etapa do AMA Supercross 2017 – San Diego

Boas corridas marcaram a segunda etapa do AMA Supercross na noite deste sábado, 14, no Petco Park Stadium, em San Diego, Califórnia.

Quem se manteve acordado na madrugada viu mais disputas do que no sábado de abertura, há uma semana, em Anaheim. Desde as baterias classificatórias, pudemos assistir algumas batalhas entre Mellross X Hansen, Tomac X Anderson, Musquin X Reed, entre outras menos quentes.

A pista também se mostrou mais atraente, com mais velocidade, saltos maiores e uma seção de costelas mais desafiadora.

Roczen chegou a sua segunda vitória neste ano na 450. Desta vez foi mais difícil já que ele teve que segurar o ímpeto de Ryan Dungey, que mais uma vez terminou no segundo lugar do pódio. E, assim como em A1, Marvin Musquin acompanhou os dois principais candidatos ao título.

– A pista estava difícil, mas me diverti bastante – resumiu Roczen no final.

Shane McElrath viveu mais uma grande noite e faturou sua segunda vitória na temporada depois de fazer boas ultrapassagens. Assim, manteve a liderança da categoria, agora com 8 pontos sobre Aaron Plessinger, vice-líder e terceiro colocado neste sábado.

– Na semana passada muitos falaram em sorte. Hoje foi muito difícil, a pista está exigente, e é surreal ganhar duas corridas seguidas. Agradeço a todos os patrocinadores, ao Tyla Rattray (ex-piloto e treinador) – disse McElrath.

Justin Hill conquistou a segunda posição na final da 250 e agora está empatado com Martin Davalos na terceira colocação da tabela com 38 pontos contra 50 do líder.

3ª etapa

A próxima das 16 rodadas será novamente em Anaheim, no Angel Stadium, mesmo local da abertura do campeonato. O evento será no sábado, 21, com os mesmos horários (Treinos a partir das 18h50 e corridas à 1h da madrugada).

Resultados das finais

450 / Grande disputa entre Roczen e Dungey

Dungey largou na frente seguido de Roczen. Na primeira volta já teve chega pra lá do alemão, mas a vantagem seguiu com o atual campeão.

Com 8min de corrida, Roczen fez o ataque e ultrapassou Dungey pela liderança. Dungey se manteve próximo, e partiu pra cima quando faltavam 5min para o fim.

Roczen era um pouco mais veloz nas costelas, mas Dungey encostava no alemão a cada volta. Ambos deram volta até em Justin Bogle, que era o décimo.

Na última volta, Dungey colocou do lado, mas acabou errando uma seção e deixou Roczn escapar.

Mais atrás, Musquin, Seely, Millsaps, Tomac, Anderson iniciavam uma bela disputa. Millsaps foi perdendo espaço enquanto Musquin se isolou em terceiro. Seely, Tomac e Anderson, por outro lado, brigaram feio pela quarta posição.

Grandes batalhas na 250

Jimmy Decotis largou na frente, mas a coisa começou quente com Shane McElrath e Austin Forkner batendo guidão pela quarta posição. Melhor para McElrath que conseguiu se desvencilhar do estreante e abrir vantagem.

Justin Hill, vencedor da Heat 2, largou mal, assim como Aaron Plessinger, e precisou fazer corrida de recuperação.

Restando 8min para o fim, Martin Davalos encostou em Decotis e ameaçou a liderança por alguns metros, mas acabou errando, deixando McElrath se aproximar. E os dois cresceram juntos pra cima de Decotis.

No fim, ambos passaram Decotis, com Davalos assumindo a liderança. Mas, nas últimas duas voltas, Davalos foi ultrapassado por Elrath, Hill e Plessinger.

A corrida teve emoção até o fim, quando Justin Hill ainda pressionou McElrath pela vitória até a bandeirada.

Post navigation

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>